Trasgo

Trasgo A Revista Trasgo De FC E Fantasia Chega A Sua Oitava Edi O Com Conte Do Exclusivo Dos Melhores Autores Brasileiros Do G Nero Clara Madrigano Apresenta A Noiva Diminuta , Uma Linda Releitura Da Polegarzinha, Narrada Com Maestria Bruno Magno Alves Traz Um Ladr O De Cores , Um Conto T O Incr Vel Que Voc Vai Pensar Estar Lendo Uma HQ Envelope A Cadro , De Cristina Pezel, J Come A Com Sua Intensa Descri O De Uma Materializa O, Enquanto A Casa Do Prefeito O Primeiro Conto Da Trasgo Rejeitado, Reescrito E Ent O Aprovado, Por Ariel Ayres Do Sul Do Pa S Trouxemos Simone Saueressig, Com A Linha Do Necrot Rio , Um Conto De Fantasia Urbana Que Come A Suave, Mas Que Se Torna Cada Vez Mais Intenso Com O Rodar Do Nibus Fecha Esta Edi O O Pico Deuses De Metal , Um Conto Sobre Samurais E Exo Esqueletos Rob Ticos, De Lucas Rezende De Paula Tamb M Temos A Tradicional Galeria De Victor Strang, Criador Da Linda Capa Que Abre A Edi O, Al M De Todas As Entrevistas Com Os Autores

Rodrigo van Kampen escritor, editor da Revista Trasgo, redator publicit rio e foge de moto nos fins de semana J publicou em colet neas da Aqu rio, Draco e em publica es independentes Mora em Campinas com sua esposa e uma vira lata, escreve em viverdaescrita.com.br e pode ser encontrado no Twitter como rodrigovk.

❰Read❯ ➬ Trasgo  Author Rodrigo van Kampen – 502udns.info
  • Kindle Edition
  • 126 pages
  • Trasgo
  • Rodrigo van Kampen
  • Portuguese
  • 15 July 2019

15 thoughts on “Trasgo

  1. says:

    Esta edi o da Trasgo n o traz nenhuma hist ria ruim, mas tamb m s o poucas que saltam os olhos De toda forma, a sele o continua se destacando pela variedade A Noiva Diminuta, da Clara Madrigano, apresenta uma releitura de A Polegarzinha, com boa dose de feminismo e inventividade Achei divertida e po tica Um Ladr o de Cores, de Bruno Magno Alves, traz uma prosa de dif cil leitura e com problemas de ritmo, embora por outro lado fuja do comum tanto em estilo quanto em premissa Envelope a cadro, de Cristina Pezel, o meu favorito deste volume Curto, sem maiores dramas, mas com uma pequena reviravolta e uma constru o de mundo deveras interessante, que me deixou muito desejoso de ler mais, tanto sobre Beatriz quanto sobre cadro A Casa do Prefeito, de Ariel Ayres, tem boas ideias, mas uma condu o um pouco confusa e que falha ao gerar identifica o com o leitor A Linha do Necrot rio, de Simone Saueressig, o mais diferente do volume, com bons toques de terror e uma pitada de fantasia urbana Por fim, Lucas Rezende de Paula apresenta Deuses de Metal, que tem um ritmo interessante, focado em praticamente uma nica cena, mas algo ficou faltando.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *